• empresas estão pagando por denuncias de software pirata

     

    2.117 ações judiciais
    foram executadas no Brasil por uso ilegal de software desde 2013

  • denuncia de software ilegal de forma anônima

     

     9.820 denúncias
    por uso ilegal de software

    no Brasil em 2016

  • PROMESSA DE RECOMPENSA PARA DENÚNCIAS DE SOFTWARES PIRATAS

     

     

    US$ 20 milhões
    em multas foram aplicadas

    no Brasil desde 2013

Software licenciado é um ótimo negócio?

Com o uso ilegal de software, o barato sempre sai caro. A segurança da informação é um dos ativos mais importantes de uma empresa e a licença do software garante a proteção. Através da campanha “Não adianta disfarçar. Isso não vai dar certo.”, a ABES e a BSA buscam alertar os empresários sobre os riscos em dose dupla aos seus negócios: a segurança das informações e a aplicação de multas pesadas

Passar por uma auditoria de um grande fabricante como a Microsoft não é uma tarefa fácil!

Nosso objetivo é através de um levantamento encontrar a melhor solução para os empresários antes que uma denúncia e auditoria ocorram. Com nossa análise podemos redimensionar possíveis recursos, servidores e sistemas para adequar a quantidade de licenças ao ambiente de TI, assim evitando maiores problemas.

                                                     Ex-funcionários são os que mais denunciam no Brasil


Obviamente o mais comum aqui no Brasil é a denúncia realizada pelo usuário final, especialmente vinda de um ex-funcionário que motivado muitas vezes por vingança, resolve denunciar a empresa e normalmente os agentes de fiscalização acabam encontrando algo, seja pelo uso intencional de softwares sem o devido licenciamento ou também pela falta de organização na instalação dos programas nos computadores da rede. 

Muitas organizações não possuem controle eficiente do inventário de ativos de TI, o que acaba facilitando este tipo de ocorrência.

$ysex8h6gidc

dfgdfg

$cydync1w509

fdgdfg

Obviamente o mais comum aqui no Brasil é a denúncia realizada pelo usuário final, especialmente vinda de um ex-funcionário que motivado muitas vezes por vingança, resolve denunciar a empresa e normalmente os agentes de fiscalização acabam encontrando algo, seja pelo uso intencional de softwares sem o devido licenciamento ou também pela falta de organização na instalação dos programas nos computadores da rede.

Muitas organizações não possuem controle eficiente do inventário de ativos de TI, o que acaba facilitando este tipo de ocorrência.